As borboletas voltaram



As borboletas voltaram. Mais coloridas, mais bailarinas e mais vivas do que nunca!
Nossa, o quanto estavam distantes e apagadas, mas eis que se renovaram as suas forças, seu vigor e alegria. Esperança trouxeram de volta consigo. De dias melhores, de ares melhores, de pessoas melhores no mundo. O mundo... Este vil quase leva minhas borboletinhas, mas cansei de ficar sentada a esperá-las, chorando acomodada, como vítima... Levantei-me e fui buscá-las!
Me trouxeram de volta o ego e a confiança, até meus velhos defeitos, tudo o que compunha minha essência, tudo o que sempre me fez ser este ser profuso, autêntico, por vezes antipática, por outras solidária... AS BORBOLETAS VOLTARAM'
Quero que todos saibam da grande novidade!
Que enche minha alma de um gozo inefável e inenarrável.

E quando elas chegaram, grandes e muitas foram as coisas ruins que expulsaram...
Elas me ressucitaram!!
Como ansiava por seu retorno, eu amo minhas borboletas e é por elas que eu vivo!!
Minhas borboletas são os meus sonhos...
E as suas quais são?
Pelo que tens vivido?
Espero que goste de borboletas e que jamais se apartem de ti.
Borboletas são vida!


Ana Paula Duarte.

Comentários

Anônimo disse…
Eu n posso dizer q vc é a reencarnação de Clarice, pois sou mais vc. Digo então que vc é a poeta do futuro, um tanto grotesco essa nomeação, mas poeta é o q és e futuro é o tempo q te rege, pq vc pensa na frente, sai na frente e chega à frente... E o mais incrível; sem atropelos e apelos! Ana,és um dilúvio de pensamentos que traz todas as emoções possíveis.. Vc pensa em multidão, decifra em quantidade e surpreende em qualidade. Amo-te tão quanto vc ama cada filho seu q são suas escritas!.
Dayane Carneiro
amazote1 disse…
muito legal o seu blog Paulinha...
amei...
de verdade!!
grande bjo
sucesso!!!
Anônimo disse…
Day, você comentou tão bem e com tanta profundidade...e como você já disse tudo...fiquei sem palavras para comentar. Caio SFO
Thiago Rocha disse…
mee li, mais gostei !!!
hsuahusahs. brincadira, mais ela é um poetisa,
gameii .!!!
Ana Paula Duarte disse…
Querida amiga Dayane, quanta lisonja tenho ao comparar-me a Clarice, minha musa, mulher que me lê, muito obrigada pelas belas palavras querida, anseio apenas ser poetisa...!
Te amoo'
E obrigada a vcs meninos pelos comentários!
ola, obrigada do comentario, sou italo-portuguesa, mas já morei no brasil tambem, então eu entendo portugues sim :) gostei a bué de seu blog, esta muito fixe! continue assim :) beijos
Bia Maia disse…
Mas que lindo!
E eu não sei viver sem SONHAR...
Sonho é VIDA...
Sonho é PROJETO...
Sonho é ESPERANÇA...
Sonho é VOAR...

Como estas tais lindas e coloridas que voltaram...e que nunca mais podem partir!

Beijos com muito amor e linda semana paea você!

Adorei seu blog!

Biazinha
Bandys disse…
Oi poetisa linda!
"Minhas borboletas são meus sonhos" lindo isso!

Minhas borboletas são meus amores..pela vida, pelas pessoas, pela escrita.

Gostaria muito que voce participasse do esconderijo com uma poesia sua. Afinal você é umas das que mais gosto. Se puder mande pro meu email, egpmb@terra.com.br
Ficarei feliz!

Beijos meus
PS: e direito de uso de imagem também , hehehe
Everson Russo disse…
As borboletas sempre voltam se o jardim é de amor...belissimo seu blog...beijo carinhoso e otima semana.
Daniel Savio disse…
Mas lembre-se, elas voltaram por que você acabou cuidando da tua flor interna (que julgo ser o teu coração)...

Fique com Deus, menina Ana Paula Duarte.
Um abraço.
Alisson da Hora disse…
Bom dia!

Quando estive em Auschwitz, visitando o antigo campo de concentração, vi em vários beliches desenhos que os prisioneiros faziam, de borboletas...era o sinal que eles faziam para que suas almas encontrassem a liberdade e a vida além da vida... Elas "ressuscitaram" aqueles pobres humanos...

obrigado pela visita ao blog, mas aquele anda paradão, estou te linkando ao qual eu uso mais... aí cabe você a descobrir qual é...

beijo grande
meumundoquadrado disse…
Borboletas no estômago como é bom esta sensação...

Sua maneira de escrever é muito envolvente, estarei sempre por aqui...

Beijo e Paz!!!
Borboletas a voejar são a luz e a base de nossas vidas,sem elas o mundo estanca e a vida perde a graça.

Seu blog é muito lindo e você escreve como uma guerreira!!

Acabou de ganhar mais uma acompanhante...

Um beijo!

Sonia Regina.
babiloniaaflita disse…
Quem diria em Paula? Daqueles anos de colégio primário não imaginaria que você seria essa dedicada escritora! barabéns!
Eu só tenho a dizer que tenho esperado todos os dias, incansavelmente todos os dias, debruço-me na janela...Esperando que as minhas borboletas voltem...

Eu sei que voltarão, mas ainda não chegaram.
Pelo menos ouvi sobre as suas...

=)
laynepoesia disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
laynepoesia disse…
Minhas borboletas estão voltando como um sonho...
Lindo... Seus textos são permeados de uma profunda emoção. Intensos como sua própria essência.Sucesso, amiga escritora!

Postagens mais visitadas deste blog

Término Pós- moderno de um idílio amoroso

Escreva, Ana!

O olhar de Margot sobre a vida adulta