All star


Estranho seria se eu não me apaixonasse por você

O sal viria doce para os novos lábios

Colombo procurou as Índias mas a Terra avisto em você

O som que eu ouço são as gírias do seu vocabulário

Estranho é gostar tanto do seu All Star azul

Estranho é pensar que o bairro das Laranjeiras,

Satisfeito, sorri quando chego alie entro no elevador aperto o 12 que é o seu andar não vejo a hora de te encontrar e continuar aquela conversa que não terminamos ontem ficou pra hoje.

Estranho mas já me sinto como um velho amigo seu

Seu All star azul combina com o meu, preto, de cano alto

Se o homem já pisou na Lua, como eu ainda não tenho seu endereço

O tom que eu canto as minhas músicas para a tua voz parece

exato.



Nando Reis

Comentários

Sou suspeitíssima pra comentar aki...Acho essa letra magnífica!
elementos tão corriqueiros, históricos, sendo ressignificados...
Puxa! Só essa frase: "estranho é gostar tanto do seu all star azul..." aafffff
Muito massa!
Ana Paula Duarte disse…
Essa música é totalmente poética e mexe muito comigoo!
Beto Lopes ø disse…
Caramba, essa música me marcou muito! =]

Postagens mais visitadas deste blog

Término Pós- moderno de um idílio amoroso

O olhar de Margot sobre a vida adulta

Escreva, Ana!